Câmara aprova abertura de impeachment de Dilma


Processo agora segue para o Senado

Da Redação Telenotícias*

(Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil)
Foram 367 votos a favor do impeachment e 137 contra
A Câmara dos Deputados aprovou neste domingo (17), a abertura do processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff. A votação atingiu os 367 votos a favor e 137 contra. Para dar continuidade ao processo de impedimento eram necessários 342 votos, número que representa dois terços dos parlamentares.

O quórum no painel eletrônico do plenário da Câmara registrou 511 parlamentares presentes na sessão. Sete deputados se abstiveram e dois não compareceram.

A sessão de hoje foi aberta às 14h pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) com muito tumulto. Já a votação começou efetivamente por volta de 17h45, após manifestação do relator da Comissão Especial do Impeachment, deputado Jovair Arantes (PTB-GO) e também de discursos de líderes partidários e representantes da minoria e do governo.

Com o resultado, o pedido de impedimento agora seguirá para o Senado. Caso seja aprovada a admissibilidade por maioria simples, o que deve ser decidido somente em maio, a presidenta Dilma Rousseff será afastada do cargo por um prazo máximo de 180 dias (durante esse período, o vice-presidente da República, Michel Temer, assume o posto), para que os senadores concluam o processo.

A aprovação definitiva do impeachment da presidenta depende do 'sim' de dois terços dos 81 senadores da República, ou seja, no mínimo 54.

*Com informações da Agência Brasil
Câmara aprova abertura de impeachment de Dilma Câmara aprova abertura de impeachment de Dilma Reviewed by Redação on 4/17/2016 11:51:00 PM Rating: 5

Nenhum comentário

Fale com a redação: contato@portaltelenoticias.com

-

Publicidade

-