Leve, ‘De Encontro Com a Vida’ aposta em mundo ideal ao contar história de superação

Filme é baseado em experiências reais de deficiente visual

Crítica | Por Thiago Mendes
thiagomendes@portaltelenoticias.com

(Foto: divulgação)
Saliya Kahawatte é interpretado pelo ator alemão Kostja Ullmann

A premissa é conhecida. O desfecho, quase todo, previsível. De maneira alguma, contudo, pode-se afirmar que ‘De Encontro com a Vida’ não seja agradável. Tedioso, muito menos. O roteiro é baseado na vida de Saliya Kahawatte, que sonhava em ser gerente de hotel, mas se viu quase que inteiramente cego ainda na adolescência, às vésperas de completar o colegial.

Portanto, estamos, sim, diante de mais um filme que nos mostra a enorme dedicação de uma pessoa, a despeito de sua condição física limitada, buscando conquistar um lugar digno na sociedade. O diretor alemão Marc Rothemund (de ‘Uma Mulher Contra Hitler’, indicado ao Oscar de filme estrangeiro em 2006) tem o bom senso, no entanto, de nos poupar de melodramas exagerados, evitando ao máximo forjar sentimentos de compaixão em relação ao protagonista.

(Foto: divulgação)
Gerentes e sub-gerentes do hotel,
responsáveis pela avaliação de Saliya e seus colegas
Somos convidados, ao contrário, a embarcar em uma comédia leve, quase inocente, daquelas para se ver em família. Seguindo os ritos do gênero canonizados em Hollywood, os tons radiantes da fotografia, as canções pop em ritmo alegre (nenhuma em alemão, todas cantadas em inglês), sol e céu azul predominando em cenas externas, não causa surpresa depararmos com uma sociedade, se não ideal, muito mais gentil e condescendente comparada a que se apresenta nos últimos tempos.

Ao longo do árduo treinamento para o estágio em um hotel de luxo, Saliya (Kostja Ullmann) conta com ajuda fundamental de vários de seus colegas, em especial Max (Jacob Matschenz), com quem forma verdadeira amizade. Nesta versão, digamos, especial de mundo em que o filme se passa, e como não poderia faltar na fórmula do gênero, Saliya tenta, também, conquistar a mulher de seus sonhos, Laura (Anna Maria Mühe), que, por sinal, é loira (oh, que surpresa!). Não sem os conselhos de Max, é claro.

(Foto: divulgação)
A amizade com Max (Jacob Matschenz, à esq.)
é fundamental para o treinamento de Saliya
Méritos, entretanto, para o personagem de origem afegã, Hamid (o libanês Kida Khodr Ramadan), ajudante de cozinha a quem Saliya auxilia na preparação dos documentos que permitam a Hamid exercer a medicina (sua área de formação no Afeganistão) em solo alemão. Desta forma, mesmo que de leve, são abordados dois importantes temas de uma só vez: a situação dos refugiados e o preconceito contra islâmicos na Europa.

Ponderações feitas, é preciso dizer que, apesar de apoiar-se em uma estrutura montada sobre clichês e convenções típicas desse tipo de filme, ‘De Encontro com a Vida’ agrada porque acerta no tom comedido de suas piadas, nenhuma de mau gosto, e que, por vezes, são mesmo engraçadas. Aliás, não há nada de errado em criar um mundo cinematográfico muito mais colorido e simpático do que aquele em que vivemos na realidade - mostra, inclusive, um necessário otimismo -, desde que tenhamos consciência dessa diferença do primeiro ao último minuto de projeção. Entre risos e lágrimas, fiquemos com o riso.

Veja o trailer:
De Encontro Com a Vida (Mein Blind Date Mit Dem Leben) - Alemanha, 111 min, 2017
Dir.: Marc Rothemund - Estreou em 19/4.

As opiniões expressas nessa coluna são de inteira responsabilidade do autor e não refletem necessariamente a opinião do Portal Telenotícias.
Leve, ‘De Encontro Com a Vida’ aposta em mundo ideal ao contar história de superação Leve, ‘De Encontro Com a Vida’ aposta em mundo ideal ao contar história de superação Reviewed by Thiago S. Mendes on 4/20/2018 10:10:00 PM Rating: 5

Nenhum comentário

Fale com a redação: contato@portaltelenoticias.com

-

Publicidade

-