Cerca de 40% dos brasileiros dizem ser felizes no trabalho


Pesquisa também mostra que o nível de satisfação em relação a empresa é de 64,8 pontos, em uma escala de 0 a 100

(Foto: Getty Images)
Média de satisfação de quem recebe abaixo de R$ 2 mil é de 58,5, enquanto
quem recebe acima desse valor tem satisfação de 62,4 pontos
Uma pesquisa realizada pela Etalent com apoio da Catho mostrou que 39% dos profissionais brasileiros se declaram felizes em sua atual ocupação. Os dados também apontam que o grau de satisfação no trabalho atingiu 61,3 pontos, em uma escala de 0 a 100.

A Pesquisa sobre Felicidade no Trabalho e Otimismo Profissional  apresenta dados sobre a satisfação do brasileiro em relação ao emprego. Um dos principais pontos abordados é quão felizes os profissionais se consideram em cada uma das regiões do país.

Segundo os dados, a região Sudeste aparece como a menos satisfeita. A pontuação da área é de 60,4, abaixo da média nacional de 61,3 pontos. Na região Sul, o grau de satisfação com o trabalho atingiu 62,3 pontos. Nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste o índice foi de 64,4 pontos.

De acordo com Jorge Matos, presidente da Etalent, o estudo aprofundado do perfil do candidato antes da contratação é um aspecto relevante para o aumento ou diminuição dos índices de satisfação no trabalho.

“Analisar o comportamento do indivíduo e uni-lo com o comportamento que a vaga exige é fundamental para o processo de seleção ser eficiente. Dessa maneira, tanto a companhia como o candidato ficam satisfeitos” afirma Matos.

Outro ponto tratado na pesquisa é o nível mais alto de satisfação de profissionais com salários maiores. Segundo os dados, a média de satisfação dos profissionais que recebem abaixo de R$ 2 mil é de 58,5, enquanto quem recebe acima desse valor tem satisfação de 62,4 pontos.

 “Aspectos como as oportunidades de desenvolvimento, o ambiente, a rotina de trabalho, relacionamento com colegas e gestores, além da remuneração são os principais componentes da satisfação do profissional”, afirma Murilo Cavellucci, Diretor de Gente e Gestão da Catho.

A pesquisa também avaliou o nível de satisfação em relação a empresa em que o profissional atua. Em uma escala de 0 a 100, o índice ficou em 64,8 pontos.

“Muitas pessoas se dizem infelizes em sua trajetória profissional, mas ao mesmo tempo confessam que não conhecem seu principal talento. Saber seu talento é fundamental para a felicidade na carreira, pois quando o indivíduo sabe qual cargo está mais de acordo com o seu perfil, mas perto ele está do sucesso”, conclui Matos, da Etalent.  

Sobre a pesquisa

A Pesquisa sobre Felicidade no Trabalho e Otimismo Profissional da Etalent foi realizada com base em 10.893 entrevistas realizadas, via questionário eletrônico, entre os dias 19 e 29 de agosto de 2015.

Cada índice é medido em uma escala de 0 a 100 pontos, onde a escala 50 divide as barreiras entre otimismo e pessimismo, felicidade e infelicidade.

Fonte: FSB Comunicação
Cerca de 40% dos brasileiros dizem ser felizes no trabalho  Cerca de 40% dos brasileiros dizem ser felizes no trabalho Reviewed by Redação on 10/19/2015 05:53:00 PM Rating: 5

Nenhum comentário

Fale com a redação: contato@portaltelenoticias.com

-

Publicidade

-