Fluxo de turistas pode aumentar em até 20% nas cidades-sede


A afirmação foi feita pelo ministro do Turismo Vinicius Lages, em coletiva no Centro Aberto de Mídia de São Paulo

(Foto: José Cordeiro/ SPTuris)
Os argentinos foram os estrangeiros que vieram
em maior número (31,71% do público)
O ministro do Turismo, Vinicius Lages, afirmou nesta quinta-feira (3), em coletiva de imprensa no Centro Aberto de Mídia de São Paulo, que a Copa do Mundo representa um divisor de águas para o mercado do turismo no país. O megaevento aumenta a participação do setor no PIB nacional, que atualmente corresponde a 3,7%.

De acordo com Lages, esta é uma das melhores Copas da história. “Provamos que somos capazes de realizar um evento desse porte e já estamos trabalhando para aproveitar o legado para consolidar o turismo no Brasil como um eixo importante de desenvolvimento”, disse.

O ministro destacou a tendência de aumento de fluxo de turistas nas cidades-sede em até 20%, de acordo com pesquisas feitas em outros países que sediaram o Mundial. Para ele, a oportunidade de sediar eventos de grande porte deve estar associada a uma política estratégica de desenvolvimento de longo prazo, similar à estratégia do agronegócio na década de 70. “O Brasil é um destino de alta aceitação no mercado e vamos vendê-lo cada vez melhor. Apostamos muito também no crescimento do turismo interno”, disse.

No evento, o secretário municipal para Assuntos de Turismo de São Paulo, Wilson Poit, apresentou um estudo que aponta um aumento de 20% na visitação dos principais atrativos turísticos da cidade.

Aumento de turistas

(Foto: José Cordeiro/ SPTuris)
Cerca de 347 mil turistas já passaram pela cidade de São Paulo,
segundo levantamento da SPTuris
 Segundo levantamento feito pela SPTuris, divulgado na coletiva, a estimativa é que, na primeira fase da Copa, 347 mil turistas já passaram por São Paulo, sendo 121 mil estrangeiros (34,91%). A Argentina foi o país que mais enviou torcedores para a capital (31,71%), seguida por Chile (17,77%), Uruguai (8,01%), Colômbia (5,05%), Estados Unidos (4,18%), Inglaterra (4,18%), Holanda (3,48%), México (2,61%) e Bélgica (1,74%). Essa é a terceira prévia da Pesquisa de Demanda e Perfil do Torcedor da Copa do Mundo em São Paulo, realizada por meio do Observatório do Turismo.

“O Brasil se encontrou com o seu continente ao receber um grande número de argentinos, colombianos, chilenos, que não são os mesmos que costumam ir ao litoral catarinense. Esse público se ampliou. A aprovação de americanos, ingleses, italianos também tem sido muito elevada”, disse o secretário.

Segundo o levantamento da SPTuris, 73,1% dos turistas deu nota entre 7 e 10 para o Mundial na cidade. Os itens mais bem avaliados foram hospedagem, vida noturna/bares e gastronomia.

A ocupação média nos hotéis em São Paulo ficou em 64%, sendo que na véspera e durante os dias de jogos na cidade o indicador chegou a 75%. O impacto econômico da Copa no turismo da cidade também subiu. A previsão de gastos dos turistas inicialmente era de R$ 1,8 mil por visitante no período. Porém, os gastos estão em R$ 2,2 mil (brasileiros) e R$ 4,8 mil (estrangeiros).

Além disso, os visitantes também estão ficando mais tempo na metrópole paulistana: turistas nacionais permanecem em média 4,4 dias e os internacionais, 8,2 dias. Com isso, a previsão é que o impacto da Copa no turismo da cidade supere a estimativa inicial de R$ 700 milhões, podendo chegar a R$ 1 bilhão.

Os principais atrativos turísticos da cidade tiveram um aumento médio de 20% na visitação, com destaque para o Museu do Futebol, que recebeu mais de 3 mil turistas internacionais somente no dia 21 de junho (a média é de 56 estrangeiros por dia). Juntos, MASP, Museu da Língua Portuguesa e Museu do Futebol receberam mais de 60 mil pessoas de 12 de junho até hoje.

Fonte: Mtur
Fluxo de turistas pode aumentar em até 20% nas cidades-sede Fluxo de turistas pode aumentar em até 20% nas cidades-sede Reviewed by Redação on 7/03/2014 04:54:00 PM Rating: 5

Nenhum comentário

Fale com a redação: contato@portaltelenoticias.com

-

Publicidade

-