Brasileiros se consideram os mais fanáticos por futebol na América Latina


Em pesquisa, torcedores latino-americanos revelaram suas preferências quando o assunto é futebol

Para compreender os hábitos do seu consumidor para o campeonato esportivo mais importante deste ano, a P&G, empresa de bens de consumo, encomendou ao instituto Ipsos a pesquisa “Hábitos e Comportamentos dos Latino-americanos relacionados ao futebol’. Alguns resultados são surpreendentes. Os brasileiros se consideram os mais fanáticos pelo esporte: 18% dos entrevistados afirmou acompanhar regularmente os jogos e vão aos estádios assisti-los. Foram entrevistadas 1500 pessoas no Brasil, Argentina, México, Chile e Colômbia, entre homens e mulheres com idades entre 18 e 55 anos.

As brasileiras entrevistadas foram as mulheres que mais admitiram ser fanáticas também: 9% delas afirmou acompanhar de perto e gostar muito de futebol, e as mexicanas empatam com elas nesse quesito. As colombianas ficam em segundo lugar e as argentinas são as que menos se importam com o esporte. Apenas 5% das entrevistadas disse acompanhar frequentemente o esporte.

Os mexicanos se consideram os mais experts do assunto: 23% deles respondeu entender tudo de futebol, mas quando o assunto é a escalação completa da seleção nacional, eles ficam na lanterna, com 16% apenas admitindo ter esse conhecimento. No Brasil, o conhecimento da escalação ficou nos modestos 21%.

Em sua maior parte, fãs que acompanham futebol afirmaram saber apenas os nomes mais famosos dos jogadores. Desses, a Argentina é a campeã, com 42%. Brasil e Colômbia vêm em segundo lugar, com 40% e Chile e México, com 39% e 37% respectivamente.

Assistir aos jogos da seleção nacional com amigos e parentes é a opção preferida dos brasileiros: 91% deles afirmou que assistirá aos jogos da Seleção Brasileira com as pessoas mais próximas.

E para assistir aos jogos de um grande campeonato, a casa do próprio consumidor ou desses amigos também é fator determinante para todas as nacionalidades. São os brasileiros também os que mais se preparam para os jogos: 43% deles afirmou antecipar em meses a compra do mercado para esse momento.

Mas quem mais veste a camisa, literalmente, são os colombianos: 67% deles afirmou que usa a camisa da seleção para assistir aos jogos. Seguidos dos brasileiros, mexicanos, argentinos e chilenos.

Já os argentinos são os mais supersticiosos: 24% afirmou que espera o final do campeonato para lavar a camisa da seleção, para não dar azar. As demais nacionalidades não parecem se preocupar tanto com isso.

São os brasileiros que mais afirmaram se enfeitar para acompanhar o campeonato: 27% deles disse que usa acessórios nas cores da bandeira. São eles também que declararam mudar o visual em homenagem ao time. Eles se barbeiam, pintam o rosto com a bandeira, usam diferentes penteados e imitam os cabelos dos jogadores.

Quando se trata de fé, os colombianos saem em disparada novamente: 67% deles afirmou fazer alguma oração antes dos jogos, hábito não tão comum nas demais nações. Dos chilenos, por exemplo, apenas 14% deles admitiram fazer algo do tipo.

E, quando bate o desespero, todos admitiram fazer algumas loucuras durante os jogos, como raspar a barba que levou anos para crescer, tingir os cabelos nas cores da bandeira do país e participar de diversas promoções para ganhar entradas para os jogos da seleção. Veja o quadro:

Os fanáticos por futebol não medem esforços quando se trata da sua seleção do coração. Mudam a casa, a aparência, as cores das unhas, vestem a bandeira e a camisa. Mas celebram com euforia, fazem festa, comemoram nas ruas e com os amigos mais próximos e parentes as conquistas do time do seu país.

Fonte: Ketchum
Brasileiros se consideram os mais fanáticos por futebol na América Latina Brasileiros se consideram os mais fanáticos por futebol na América Latina Reviewed by Redação on 5/27/2014 04:41:00 PM Rating: 5

Nenhum comentário

Fale com a redação: contato@portaltelenoticias.com

-

Publicidade

-