Especialista ensina como evitar bico de papagaio


Sobrepeso e má postura são os principais desencadeadores da doença

(Foto: Getty Images)
Imagem ilustrativa
Bico de papagaio geralmente é um problema associado a pessoas mais maduras e esta ideia não está totalmente errada. A lesão atinge, na maioria dos casos, a população acima de 50 anos. Porém, pode afetar também o jovem mais exposto a fatores que desencadeiam a deformação.

A osteofitose, mais conhecida como bico de papagaio, é uma enfermidade degenerativa que atinge a coluna vertebral. Quando as articulações do disco intervertebral sofrem um desgaste, a doença surge como uma forma de defesa do organismo em querer estabilizar a coluna. "O problema é que este processo pode provocar dores na região, redução dos movimentos e perda da força muscular. Em alguns casos, formigamento também pode indicar a presença da patologia", explica Julia Miyajima, da clínica de quiropraxia QuiroVida.

Osteofitose possui tratamento, mas não tem cura. Portanto, buscar formas de evitá-lo é essencial. A quiropraxista Julia Miyajima dá dicas para prevenir o temido bico de papagaio:

- Evite o sobrepeso: este fator pode levar ao desgaste articular e provocar a calcificação das vértebras, o que causa bico de papagaio;

- Exercite-se: "Praticar atividades físicas é fundamental para fortalecer a musculatura. Recomendo principalmente aqueles de baixo impacto, como alongamentos e os exercícios feitos na água", aconselha Julia;

- Corrija sua postura: é importante ter cuidado com a saúde da coluna vertebral. Sentar-se corretamente e ter mais atenção para se movimentar de modo adequado, evita pequenas fraturas;

- Acompanhamento quiroprático: a quiropraxia previne problemas na coluna por beneficiar a mobilidade das articulações. Ajustes quiropráticos ainda ajudam a reduzir a dor e melhorar a qualidade de vida de quem já possui bico de papagaio.

Fonte: Race Comunicação
Especialista ensina como evitar bico de papagaio Especialista ensina como evitar bico de papagaio Reviewed by Redação on 8/22/2013 01:01:00 PM Rating: 5

Nenhum comentário

Fale com a redação: contato@portaltelenoticias.com

-

Publicidade

-