Dia dos Namorados: mais da metade do valor do presente pode ser tributos


Pesquisa do Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário - IBPT indica que produtos importados e eletrônicos têm as maiores cargas tributárias entre os itens mais consumidos nesta data

(Foto: Getty Images)
"Se a carga tributária nos presentes não fosse tão alta, o brasileiro teria
 maiores condições de presentear adequadamente", avalia especialista
Para presentear a pessoa amada no próximo dia 12 de junho, o consumidor brasileiro poderá desembolsar mais da metade do valor dos produtos somente para pagar os tributos federais, estaduais e municipais. Estudo concluído pelo Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário - IBPT indica que, em alguns dos itens preferidos das namoradas, como é o caso do perfume e da maquiagem importados, a carga tributária chega a 78,43% e 69,04%, respectivamente. Mesmo ao optar pelas versões nacionais dos produtos, o percentual ainda é alto: 51,04% do valor da maquiagem e 69,13% do preço do perfume serão revertidos aos cofres públicos.

Os eletrônicos, opções para agradar os namorados na data, também carregam uma elevada carga tributária: no aparelho de mp3, é de 49.45%; no tablet, 39.12%; e no telefone celular, chega a 39.80% do valor do produto.

De acordo com o presidente do IBPT, João Eloi Olenike, há excessiva tributação no consumo, em detrimento da renda do brasileiro. “Além disso todas as pessoas pagam o mesmo valor sobre bens e serviços, independente de sua situação econômica, sendo um sistema extremamente injusto. ”, pondera Olenike. “Certamente, se a carga tributária nos presentes não fosse tão alta, o brasileiro teria maiores condições de presentear adequadamente, consumindo mais e melhor nesta que é uma das principais datas para o comércio brasileiro”.

Para Olenike, o brasileiro passará a ter maior consciência do que paga em tributos nos produtos, visualizando esta informação em cupons e notas fiscais, conforme prevê a Lei nº 12.741/12, que passa a vigorar a partir de segunda-feira, dia 10 de junho.

Veja a carga tributária de outros presentes e produtos consumidos no Dia dos Namorados:

Jantar em restaurante - 32.31%
Aparelho de som - 36.80%
Aparelho MP3 ou iPOD - 49.45%
Bijuterias - 43.36%
Bolsa de Couro - 41.52%
Bota - 36.17%
Buquê de flores  -17.71%
Calça Jeans - 38.53%
Cartão de Páscoa - 37.48%
Casaco de couro/moleton - 34.67%
CD (Compact disk) - 37.88%
Champagne - 59.49%
Cinto de Couro - 40.62%
Coelho de Pelúcia - 29.92%
DVD (cartucho) - 44.20%
Tablet - 39.12%
Jóias - 50.44%
Livros - 15.52%
Maquiagem Nacional -51.04%
Maquiagem Importada - 69.04%
Mochilas - 39.62%
Moto até 125 CC - 46.81%
Pacote Lua de mel (Viagem) - 29.56%
Perfume Importado - 78.43%
Perfume nacional - 69.13%
Porta retrato - 43.47%
Telefone celular - 39.80%
Vinho - 54.73%

Fonte: De León Comunicações
Dia dos Namorados: mais da metade do valor do presente pode ser tributos Dia dos Namorados: mais da metade do valor do presente pode ser tributos Reviewed by Redação on 6/10/2013 12:38:00 PM Rating: 5

Nenhum comentário

Fale com a redação: contato@portaltelenoticias.com

-

Publicidade

-