Cantor Chorão teve overdose de cocaína, informa laudo do IML


Vocalista do grupo Charlie Brown Jr. foi encontrado morto em 6 de março

De São Paulo
Fabiano Oliveira │ Colaborador Telenotícias

(Foto: divulgação)
O cantor Alexandre Magno Abrão, conhecido como
Chorão, que morreu aos 42 anos
O laudo necroscópico feito pela Polícia Técnico-Científica de São Paulo comprova que o cantor Alexandre Magno Abrão, conhecido como Chorão, vocalista do grupo Charlie Brown Jr., morreu por overdose de cocaína.

O exame toxicológico feito no corpo de Chorão apontou 4,714 microgramas da droga por mililitro de sangue. A conclusão dos peritos é de que a morte foi provocada por “intoxicação exógena devido à cocainemia”.

Overdose era uma hipótese considerada pela polícia. “4,714 microgramas por mililitros de sangue é uma quantidade muito alta. Como o estado físico dele já estava bastante comprometido, para ele foi fatal”, disse Itagiba Franco, diretor do Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP).

O laudo aponta que o cantor apresentava uma saúde debilitada. Miocárdio hipertrófico (aumento do tamanho do músculo do coração), coronarioesclerose grave (bloqueio das artérias coronárias por gordura), edema cerebral (aumento dos líquidos no sistema nervoso central). Também foram observadas escoriações no lábio inferior, no cotovelo, e na região lombar esquerda e hematoma nasal.

O laudo que foi divulgado ontem (4) será anexado ao inquérito aberto pela polícia que deve ser concluído em 30 dias. Após este período, o inquérito vai ser encaminhado ao Fórum da Barra Funda para análise do Ministério Público e da Justiça.

Depoimentos de familiares, amigos, integrantes da banda e da ex-mulher do vocalista confirmaram que Chorão usava drogas e que apresentava um quadro de depressão nos últimos meses, que se agravou depois da separação com a ex-mulher, a estilista Graziela Gonçalves.

Chorão, 42 anos, foi encontrado morto no dia 6 de março no seu apartamento na Zona Oeste da capital paulista. A polícia foi acionada pelo segurança e um motorista do cantor. Os paramédicos encontraram Chorão de bruços no chão da cozinha, com uma das mãos machucadas e já sem vida. O apartamento estava parcialmente destruído e foram encontradas garrafas de bebidas alcoólicas e latas de energético. A polícia também encontrou um pó branco, além de embalagens de remédios.

Em entrevista a TV Globo após o enterro do Chorão, a ex-mulher do cantor, Graziela Gonçalves, disse que tinha perdido à guerra. “Infelizmente, eu perdi. Tentei de tudo o que vocês podem imaginar, e infelizmente essa praga mundial, que é essa droga, que está acabando com tudo, ganhou”.

Cantor Chorão teve overdose de cocaína, informa laudo do IML Cantor Chorão teve overdose de cocaína, informa laudo do IML Reviewed by Redação on 4/05/2013 11:40:00 AM Rating: 5

Nenhum comentário

Fale com a redação: contato@portaltelenoticias.com

-

Publicidade

-